segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Ainda Estou com Fome...

"Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;" Mateus 25:42

Olá Querida(o)s!
.
Na sexta-feira eu li um poema onde senti Deus falando ao meu coração profundamente.
Temos vivido dias com medo de nos aproximar das pessoas, pois é tanta violência, tanto assalto, que já nem sabemos se ajudamos a quem nos pede, ou se saímos correndo.
.
Estou falando sobre isso porque li esse poema citado na sexta a noite, no sábado pela manhã eu fui pra igreja sozinha e ao estacionar o carro próximo a igreja, um catador de lixo estava vindo na minha direção. Ele estava sujo e carregava 2 sacos com lixos recicláveis. Meu coração doeu naquele momento...

...continue lendo essa postagem e conheça o poema que eu falo, aqui no Recanto das Mamães Blogueiras, pois hoje é segunda-feira, dia da minha postagem lá.

Abraços e uma semana abençoada e de muita reflexão pra todos nós!

9 comentários:

Simone Pires disse...

olá querida, faço parte do Ministério Cristo na Madrugada, onde levamos sopa e a palavra de Deus aos excluídos, é muito triste ver irmãos sofrendo em meio a tanta dor, vícios,sem auto estima, sem nenhuma perspectiva de vida, sem Deus.Tenho passado por experiências que tem mexido com a vida,tenho visto um mundo de miséria não só material, mas também espiritual que nos cerca, e que nem nos damos conta, bem debaixo dos nossos olhos.Em nossas casas, debaixo de cobertores, cama macia e barriga cheia...nem se quer imaginamos quantos não tem o mesmo privilégio e nem uma mão estendida para ajudá-los a se levantar.

Lucinalva disse...

Olá Cida

Linda reflexão, como é importante fazer algo pelo próximo, aos nossos olhos pode ser pequeno, mas para Deus e para o outro uma atitude em ajudar é muito grande. Que o Senhor continue usando a tua vida. Bjs

Lúcia Soares disse...

olá Cida paz
ótima reflexão, precisamos sempre ajudar o proximo. um abraço amiga.

disse...

Pois é Cida, não adianta dizer que amamos a Deus e fazermos nossa caminhada para igreja, e virarmos as costas a quem tem fome e sede. Este sim são os que mais precisam. Este é o verdadeiro Evangelho cuidarmos dos órfãos das viúvas , dos necessitados. Paz minha linda. Você é mesmo uma benção!

Pr. Edilson Ramos disse...

Olá Cida! Realmente precisamos ajudar o nosso próximo, mesmo com todos os riscos. Jesus disse que seus discípulos seriam conhecidos pelo amor.
Ótima mensagem!
Pr. Edilson

Suely Rezende disse...

Olá Cida,

Certa vez visitei uma fundação católica que ajuda os necessitados de Recife.

O slong da Fundação era:

VIVENDO O EVANGELHO NA PRÁTICA.

Fiquei maravilhada com o que vi, realmente eles vivem o evangelho na prática, cuidando dos órfãos, viúvas e necessitados.

beijos
Suely

Clécia Ferreira disse...

oi querida Cida...
faltam até palavras pra tentar explicar nossas atitudes diante de situações como esta... nos resta passar a enxergar os menos favorecidos com outros olhos e tomar atitudes de cristãos que somos, pois, se depender dos nosssos governantes a situação não há de mudar... e a bíblia diz que sempre existirão pobres na terra, então nossas atitudes é que fará a diferença!!! Abraço Cidinha, fica com Deus!!!

Irismar Oliveira disse...

OI Rita muito bom seus artigo tanto a historia com o senhor que encontrou como o poema. Tem uma frase da própria Tereza que acho ele tremendo que diz: Não devemos permitir que alguém saia da nossa presença sem se sentir melhor e mais feliz.
Madre Teresa de Calcutá

UM belo dia

Andréa disse...

MADRE TEREZA É UM GRANDE EXEMPLO DE SOLIDARIEDADE, UMA MULHER QUE SÓ AGIU POR AMOR AO PRÓXIMO.
GOSTEI MUITO DO SEU BLOG, PARABÉNS!

BEIJOS........