sexta-feira, 3 de junho de 2011

Compartilhando benção por...Celina

"Mas buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." Mateus 6:33

Agora em junho deve estar de volta perto de nós, isto é, no DF, meu filho Alessandro. É meu segundo filho, de temperamento um pouco semelhante ao meu, embora mais extrovertido.
Ele, há dois anos atrás, com muita alegria de todos os familiares, foi para o interior de Minas Gerais, onde foi tomar posse de um cargo obtido através de concurso público. Passados dois anos, pôde pedir transferência e, embora isso seja difícil, obteve uma promoção, vindo para cá. Esteve neste sábado, com a esposa e filhos, visitando a igreja que deve frequentar na nova cidade.

Mas vou contar outra história, a de como o Alessandro decidiu-se por estar ao lado de Cristo.

Embora tenha passado pelos departamentos infantis e dos adolescentes da igreja , Alessandro não se batizou logo. E, já na juventude, optou por tornou-se instrutor num clube desportivo. Ele tinha obtido um título nacional nesse esporte a que se dedicava e, com isso, se entusiasmara pela área. Ali trabalhava aos fins de semana, porque muitas pessoas se dedicam ao lazer nas folgas do serviço, e não frequentou mais a igreja. Nessa época, nós também não íamos a igreja regularmente. Mas sentia desejo de voltar para Jesus, embora não tivesse forças, devido aos problemas com o serviço, e orava por isso. Passaram então a ocorrer alguns fatos na vida dele.

Começou a namorar a moça que mais tarde se tornou sua esposa, e ela morava numa outra cidade. Ia sempre visitá-la aos fins de semana. Uma vez, na volta de uma dessas viagens, sofreu um acidente, porém teve como conseqüência apenas dores nos músculos e o próprio carro, que era meu, não ficou muito danificado. Isso o deixou muito grato a Deus.

Nessa época eu já havia voltado assistir regularmente à igreja e estava ensaiando um conjunto musical. Recebendo pouco pelas aulas, o Alessandro havia resolvido trabalhar também com a venda de feno e rações para animais que ficavam estabulados no clube. Foi assim que, num domingo, estava com a roupa toda suja de feno - pois fizera algumas entregas após participar de uma competição - e me acompanhava para um ensaio do conjunto musical na igreja,quando o nosso carro – já bem velho – estragou em plena via pública e não conseguimos fazê-lo andar de novo. Estávamos sem celular e o próximo telefone público ficava a aproximadamente um quilômetro. E assim o Alessandro me deixou perto do carro e foi procurar socorro, ligando para o mecânico. Fiquei ali perto de uma hora e já estava preocupada quando um carro de polícia estacionou e perguntou se eu conhecia alguém chamado Alessandro. Disse que sim, já bastante assustada e perguntando se havia acontecido algum acidente. O policial me disse que não mas que ele fora detido para investigações. Fiquei estupefata, porque meu filho trabalhava todo o dia e estudava à noite (cursava administração numa faculdade) e não havia motivo nenhum para ser detido. Então estacionou um segundo carro e ali estava o Alessandro no banco de trás ao lado de policiais. Me explicaram que houvera uma ocorrência ali perto e estavam procurando o culpado. Como o Alessandro estava com uma roupa de cor semelhante à da pessoa procurada, descrita pela vítima, roupa que estava inclusive manchada (só que devido ao trabalho) fora considerado suspeito. Consegui convencer os policiais a ir no mesmo carro para a delegacia, porque o meu estava estragado e de lá chamei uma amiga nossa, advogada, e que inclusive estivera conosco no mesmo local pela manhã, assistindo a provas que se realizavam.

Foi lá na delegacia que o Alessandro, conforme nos contou depois, fez um propósito, de voltar a seguir a Jesus, e de ir à igreja novamente, tão logo ficasse liberado daquela situação. Quando minha amiga chegou, teve a ideia de mostrar à delegada a ordem de entrada de três provas realizadas naquela manhã, em que o Alessandro estava inscrito e das quais participara, conforme registro em ata, o que tornava impossível ter-se ausentado do local. Assim, foi liberado e a delegada pediu mesmo desculpas pelo equívoco.

No sábado seguinte, Alessandro foi homenageado como visitante na nossa igreja e estava sorridente junto aos demais visitantes, na plataforma, após assistir à escola bíblica. Como gosta de cantar, foi convidado para participar do conjunto vocal que eu ensaiava e começou a participar do louvor na igreja no mesmo dia do seu batismo, no final daquele ano.

Começou a dar aulas num outro lugar, uma chácara de propriedade de um conhecido, organizando ali uma pequena escolinha do mesmo esporte, mas teve algumas dificuldades para associar a frequência à igreja com a profissão, tendo até mesmo recusado algumas ofertas para trabalho melhor na mesma área e, depois de algum tempo, abandonou definitivamente o esporte e por alguns anos, já casado, diplomado em administração, passou por alguns empregos bem mal remunerados, enquanto estudava para obter uma posição melhor através de concurso.

Passou por momentos de desânimo, quase desistiu desse objetivo profissional, mas eu continuei animando-o, ele orava sempre por essa meta, até que finalmente foi aprovado para a empresa onde é um funcionário hoje, e admitido após um ano e meio de espera.

Por isso, é com muita alegria que o vemos ser chamado para uma cidade próxima, pois poderemos visitar a família, incluindo nossos netinhos, mais seguidamente.

E por esse motivo damos louvor a Deus, que mais uma vez apresenta uma resposta, reafirmando suas promessas na vida do Alessandro, já que ele desejava mudar-se para uma cidade que apresentasse melhores condições de atendimento de saúde e educacional para os seus.

A história de meu filho mostra conversão, confiança em Deus, esforço para atingir os objetivos e sobretudo fé e paciência para receber as respostas que pediu em toda a sua vida. Espero que alguém que a leia confie e espere também no Senhor. Para Ele, cada um de nós é especial e objeto do Seu Divino cuidado.
 
A Celina tem o  Blog Viver.
.
Eu a conheci bem no início, assim que fiz o blog. Ela é uma pessoa muito tranquila pelo que percebo, também observadora, que gosta de registrar os detalhes, seja nos seus texos, quanto nos seus comentários. Ela gosta muito de música, e a usa para expressar o imenso amor que sente pelo Senhor.
.
Obrigado querida por tão belo testemunho!
Beijos...Cida.

12 comentários:

disse...

Devemos perseverar sempre em Cristo Jesus, não desistir nunca, olhando sempre para Ele,"autor e consumador da nossa fé". Deus abençoe a Celina e o Alessandro que se decidiu por Jesus. PAZ.

Celina disse...

Oi, Cida, não sabia que você postaria este texto hoje. Que surpresa!
Tenha um ótimo sábado e fim de semana na presença do Senhor.
Continuo com a identidade do wordpress.
Um abraço da
Celina

Clécia Ferreira disse...

Tô vendo que esse mês só vai ter alegria nesse blog... rsss... Que testemunho maravilhoso... persistência, perseverança e confiança em Deus que no momento certo as coisas acontecem com quem nEle confia e espera... Bom conhecer um pouco da Celina.. e vc Cidinha, mas, uma vez... "PARABÉNS" PELA INICIATIVA! Abraçaozão! rs

selma disse...

Celina,fico bem feliz de poder ter conhecido o blog da Cida,pois um dia disse a ela que apesar de ser um meio virtual,ela conseguiu fazer dele algo bem aconchegante,só faltando mesmo uma almofada.Repartir experiências nos fortalece sem pre,tanto p/ quem relata ou p/ quem as ouve,as- sim, que Deus possa lhe dar muitos dias felizes mais perto dos seus familiares.Fica aqui,meu abraço carinhoso,Selma.

Pra.Thaís Itaborahy disse...

Fico sempre tao feliz com seus recadinhos. Cida, mais atrde quero passar o meu blog de blogspot para .org estao essa e a razao de eu mudar tanto. Quero achar um que se indentifique bem comigo e com o proposito do meu trabalho no blog.

Amiga, estou te devendo o texto.

Um bjao e tenha um fim de semana abencoado.

Pra Thais Itaborahy

Vania Ferro disse...

Cida querida....funcionou. Problema resolvido..rsrsrs
Deus abençoe seu blog e que muitas bençãos possam ser compartilhadas aqui.......xerooooooo

FELIZ ANIVERSÁRIOOOO!!!!!!!!!

Gisele Vargas disse...

Cida que lindo testemunho de vida!
Vou passar pra conhecer o blog da Celina.
Querida, me perdoe por não ter entregue o meu texto ainda...Já comentei que nos últimos dias passei um sufoco com a falta de tempo, mas terei prazer em participar aqui do niver do blog!
Beijos amiga, tenha um lindo sábado!

Lucinalva disse...

Olá Cida
Lindo o testemunho de Celina, realmente Deus é fiel e aquele que nos protege nas adversidades, fiquei feliz em saber que o Alessandro voltou para Jesus, ele fez a melhor escolha. Bjs

♥ κєκєl ♥ disse...

Olá

Sou professora de uma escola estadual e estou aqui lhe convidando para conhecer nosso blog VEJO VOZES de LIBRAS (Língua de Sinais) onde o nosso objetivo é expandir a Língua de Sinais, pois somos escola pólo para atendimento da pessoa com deficiência auditiva.
Se você tiver um tempinho e interesse pelo assunto, venha nos visitar. O endereço é:

http://eeblmlibras.blogspot.com/

Abraços fraternos

PS. LINDO TESTEMUNHO DA MESTRE CELINA. PARABÉNS!

Irismar Santos disse...

Oi Cida muito bom poder ler o testemunho da Celina, ja acompanhou essa serva e ela sempre esta nos abençoado relatando os cuidados do Senhor em sua vida e familia!!! Celina amei a frase: Para Ele, cada um de nós é especial e objeto do Seu Divino cuidado.

Celina e Cida um abraço e uma bela noite!!

Mamãe do Danielzinho disse...

Maravilhoso o testemunho da Celina, para nós que somos mães não há presente maior do que ver a felicidade do nosso filho e vê-los na presença do Senhor.
Glórias a Deus!

Suely - HD disse...

Olá Cida,
Boa noite,

A cada postagem uma nova experiência de vida com o Senhor Jesus.
Glória a Deus!
To sendo mto edificada.

Tenho um carinho especial pela Celina, ela mora no meu coração.

Achei lindo o testemunho do seu filho e de como ele aceitou o Senhor.

beijos
suely