segunda-feira, 1 de novembro de 2010

O que tens colecionado, tesouros ou lixo?

"Homer e Langley Collyer eram filhos de um respeitado médico de Nova Iorque. Ambos tinham curso superior. Quando o velho Dr. Collyer morreu, os filhos herdaram a casa e o patrimônio da família. Eram solteiros e estavam financeiramente muito bem de vida.
Mas os irmãos Collyer optaram em viver em completa reclusão. Fecharam as janelas da casa com tábuas, trancaram as portas com cadeados. Água e luz foram cortadas e nunca viam eles entrando ou saindo. Olhando de fora, a casa parecia vazia.
Certo dia a polícia recebeu um telefonema anônimo de que alguém havia morrido na casa toda trancada. Eles tiveram que entrar por uma janela do pavimento superior, pois não conseguiram arrombar a porta da frente. Ali encontraram o corpe de Homer Collyer estirado sobre uma cama. Ele morrera abraçado a um jornal velho.
Aparentemente, os irmãos Collyer eram colecionadores. Colecionavam tudo, especialmente sucata. A escada deles estava abarrotada de coisas velhas, sem valor.
Quase 3 semanas após iniciado o trabalho de retirada do entulho da casa, alguém fez uma descoberta espantosa. O corpo de Langley Collyer fora sepultado debaixo de uma pilha de detritos, dois metros distante da cama onde morrera Homer. Langley morrera esmagado pela estúpida armadilha que ele mesmo armara prar proteger a preciosa coleção das mãos dos intrusos.
O lixo removido da casa deles totalizou mais de 140 toneladas. Ninguém jamais conseguiu entender por que os dois estavam empilhando o seu patético tesouro.
Homer e Collyer constitui uma triste, porém exata, parábola a respeito da maneira como muitos vivem na igreja contemporânea. Embora a herança dos irmãos Collyer fosse suficiente para todas as necessidades, eles viveram debaixo de uma privação auto-imposta e desnecessária. Negligenciaram os abundantes recursos que, por direito dispunham gozar, e, em lugar disso, Homer e Langley tornaram sua casa num esquálido monte de lixo. Desprezaram o suntoso legado deixado pelo pai, e, em lugar disso, se embebedaram com o lixo do mundo".
Extraí e resumi essa história do livro: Nossa Suficiência em Cristo, p. 29.

Queridos, infelizmente muitos cristãos vivem uma vida colecionando lixo. Não tomam posse da abundante riqueza dada pelo Pai. "Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo".
Romanos 8:17.

Mas que lixos são esses? você pode me perguntar.
São experiências fora da palavra de Deus, sabedorias humanas que vão sendo infiltradas sutilmente no meio dos cristãos que não se apegam ao Senhor como único e suficiente em suas vidas.
Nós somos herdeiros de Deus e da sua provisão, precisamos usufruir disso tendo o Senhor como único Salvador e suficiente em nossa vida.

"Muitos crentes vivem a vida cristã dessa mesma forma. Desprezando as abundantes riquezas de uma herança que não se corrompe (I Pe 1:4), e eles exploram minuciosamente os escombros da sabedoria humana, colecionando lixo. Como se as riquezas da graça de Deus (Ef. 1:7) não lhes bastassem, como se "todas as cousas que conduzem à vida e à piedade" (II Pe 1:3) não fossem suficientes, eles procuram complementar os recursos que, em Cristo lhes pertencem. Gastam a vida toda acumulando, inultimente, experiências emocionais, novos ensinos [...] Ainda assim, algumas dessas pessoas entulham tanto desses passatempos que acabam não encontrando a porta para a verdade que os libertaria; e acabam se privando do tesouro por causa do lixo."
Nossa Suficiência em Cristo, p. 30.
Que cada um possa refletir, e buscar na palavra de Deus as respostas que necessitam, tomando posse das riquezas e simplicidade do evangelho de Jesus.

" E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará." João 8:32

Abraços e uma abençoada semana a todos!

Imagem: Arte nas sombras, exposta do museu de arte de Israel.

15 comentários:

Cássia disse...

Querida Cida
Amiga, estou ficando viciada no seu espaço, posso dizer pra ti, que vc trouxe algo de novo na minha vida. Eu não conhecia a grandeza de visitar blogs como os seus, sou nova na área de conhecer esse mundo que nos trás tantos conhecimentos e nos enriquece a cada visita, a cada inspiração.

Amo todos os blogs que visito hoje e aprendo muito com cada um deles.
Aderi o gosto de provar cada dia mais desses espaços abençoados, que dividimos nossos conhecimentos e experiências que adquirimos no decorrer das nossas vidas.

Cada vinda aqui é um aprendizado. Nossa como está sendo maravilhoso.
Esses dias, eu estive pelo o espaço de Celina, e me maravilhei com um texto que ela adicionou por lá.


E agora esse texto, que nos trás uma reflexão de vida!
Que tipo de lixo precisamos retirar das nossas vidas.
Ainda ontem no culto com a visita do Pastor Edilson Heyderick – Homem de Deus.
Trouxe-nos uma palavra abençoada da parte de DEUS.
E citou exatamente sobre o lixo que precisamos nos libertar.
O lixo emocional que muitas vezes insistimos em nutri na alma
O lixo da mágoa, da ira, da inveja, prepotência, do egoísmo e arrogância entre outros.
O quanto precisamos praticar o perdão, liberar o perdão...
Livrar-nos de tudo que nos suja diante do DEUS SOBERANO.

Belo poste.
Parabéns por mais essa peróla.
Amo sua amizade flor

Abraços
Ótima semana!

Wendel Bernardes disse...

Aleluia!
Cida esse texto seu, muito bem adaptado, é de uma revelação sem par para os dias de hoje!

Nos atemos a coisas, que infelizmente não são apenas os lixos mundanos, mas também muita coisa sem conteúdo que se têm vendido como tesouro na Igreja.

Jesus viveu uma vida que demosntrava que o verdadeiro caminho era seguir o tesouro dos céus e nunca nada terreno.
Até porquê as coisas relacionadas com esse mundo são verdadeiras porcarias comparadas ao porvir!

As análises de sua postagem mostram que, como os irmãos Collyer, vivemos coletando vestígios de uma vida torpe, trocando ouro, incenso e mirra por lixo, entulho e detritos!

Ótimo dia pra você!

VALÉRIA BARCELLOS disse...

Linda, você é uma mulher sábia e virtuosa! Que privilégio o nosso em podermos compartilhar de suas experiências e pensamentos! Que Deus continue te abençoando... saudades de você também. Fico feliz sempre que leio um comentário seu. Obrigada pela indicação às amigas... isso me deixa feliz. Sempre peço ao Senhor que os textos postados em meu blog falem ao coração de quer ler, para honra e glória do Senhor!Estamos tão cercados de notícias ruins, de "lixo" que sinto a necessidade de compartilhar coisas boas, que realmente fazem diferença nas nossas vidas,nos levando a pensar em nossas atitudes e valores como cristãos! PRECISAMOS URGENTEMENTE fazer a diferença aonde o Senhor nos colocou! Não podemos calar sobre o amor recebido do Pai; da paz que desfrutamos em Sua presença, mesmo quando não entendemos o que se passa na nossa vida! Agradeço a Deus por ter te conhecido.
Um semana linda pra você e pra todos que lêem suas postagens!
Fica com Jesus, minha amada.
Um grande abraço.

Chris Amag disse...

Olá, Cida!

Obrigada por nos trazer mais esse texto para reflexão.

Às vezes, é necessário que nos lembrem dessa simplicidade, pois o mundo que nos cerca faz com que comecemos a guardar esse lixo dos prazeres que não são de Deus...

O seu texto veio em boa hora.

Abraços e ótimo feriado.

Chris

Filipe Oliveira disse...

Cida,
Caprichou novamente no post de hoje, mais uma vez me identifiquei com a parábola.
São tantas as vezes em que mesmo sem querer guardamos lixos em nossos corações, em nossas mentes. Aquelas sujeiras do passado também relutam, mas cremos na promessa de que o sangue de Jesus nos purifica.
Que possamos manter nossas vidas sempre limpas, não podemos nos esquecer que somos templo do Espírito Santo.

Que Deus te abençõe
Tem sido bem edificante passar por aqui.

Forte abraço!

Clécia Ferreira disse...

éé... capricho e dedicação é com a Cida!
querida, um abraçãozão bem grandao pra vc!
Fica com Deus!

Primeiros passos com Jesus disse...

Texto impressionante!

Que história hem?!

Realmente acumulamos muito lixo na nossa vida!

Muito sentimento negativo, muita ingratidão, muita arrogância, etc.

Com este lixo todo nos corações não tem como Jesus morar! Ele não pode dividir espaço com este entulho! Por isso o arrependimento! Por isso temos que abrir as portas!

Ele não invade o espaço, só entra se deixarmos!

Ótima semana pra vc e sua família!

Celina disse...

Cida, a propósito, em cada mudança que fazemos, experiência que tenho vivido algumas vezes, verificamos quanta coisa inútil guardamos. É necessário jogar muitos desses guardados no lixo.

Igualmente colecionamos objetos no nosso coração e essa coleção íntima deve ter um objetivo no plano espiritual, em nosso relacionamento com Deus. Se não for assim, não merece estar depositada no coração.

Mais uma vez, boa semana, amiga.
Celina

Menina dos Olhos de Deus disse...

Oi Cida! Retribuindo a Visitinha! Seu blog é muito lindo e abençoador. Que Deus te Abençoe sempre. Estarei sempre por aqui. Já estou te seguindo. Passa lá e me segue também.
Fica com Deus e forte abraço
Rafaela

Keila Cristina Pinto da Silva disse...

Cida, gostei muito do seu blog, uma verdadeira bênção mesmo, ainda tenho muito o que ler aqui. Obrigada por prestigiar meu blog, ainda estou começando, preciso mesmo de apoio e dicas. Deus continue te abençoando pra que vc continue compartilhando conosco.
Boa semana

Tarciana Soares disse...

Cida, estou passando aqui rapidinho só pra ler sua postagem antes de ir na conferência. Já comecei o dia bem, pois suas palavras sempre fala aos nossos corações.

Gostei muito desse post!
Que o Senhor nos ajude a nos desprender de tudo aquilo que não vem Dele e não são necessárias a nossa vida.

Que Deus te abençoe!!!

Tenha um dia lindo, porque tem que combinar com você.

Beijos!!!

A Mamãe do viajante disse...

Mais um belo post que me faz refletir sobre a vida, e ter a verdadeira certeza de que o material nao é tao importante e nunca pode ser substituido por boas acoes, gestos sinceros.

Uma semana de muita paz minha querida amiga Cida, beijocas.
Aninha.

Sidney Alves Amaral disse...

Olá Cida, texto maravilhoso... creio que um dos "lixos" existentes é o comodismo; Incrustrado dentro do coração do cristão "moderno".
Seu texto é um grande alerta.
Um abraço.
Exaltado seja o Senhor para sempre.
Sidney
(papodedesenhista.blogspot.com)

Suely Rezende - HD disse...

Olá amiga Cida,
Paz!!!!
Não conhecia este livro Nossa Suficiência em Cristo (John MacArthur Jr.), deve ser muito bom, vou tentar encontra-lo e lê-lo.
Gostei mto da frase que nós SOMOS HERDEIROS DE DEUS E DA SUA PROVISÃO. Muitas vidas vivem das migralhas q o inimigo lança e por não conhecerem o amor e cuidado de Deus,padecem. Precisamos levar Sua palavra e mostrar que somos HERDEIROS das suas bênçãos.

Obrigada pelo lindo texto,

beijos
Suely

Lucinalva disse...

Oi Cida
Gostei muito desse texto, realmente o Senhor deseja tirar das nossas vidas tudo aquilo que não serve. Cristo precisa ser o centro. Que o Senhor continue te abençoando sempre, o seu blog é ferinha. Fica com Deus