quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Porta aberta...

"Pois tu, Senhor, és bom e pronto a perdoar, e abundante em benignidade para com todos os que te invocam."
Salmos 86:5

Em Glasgow, na Escócia, uma jovem, como muitos adolescentes de hoje, tinha problemas em casa, revoltada com os limites impostos pelos pais. Rejeitava os princípios religiosos da família e um dia declarou: "Não quero seu Deus. Desisto, vou embora."
Saiu de casa, decidida a ser uma mulher do mundo. Mas logo viu que não era tão fácil viver sozinha e, incapaz de arrumar um trabalho, acabou por se prostituir para sobreviver. Os anos se passaram e ela continuou em sua vida irregular. Seu pai morreu, sua mãe envelheceu.
Durante esse tempo, não houve contato entre mãe e filha. Tendo ouvido falar do paradeiro da moça, a mãe foi até a zona de prostituição da cidade, tentando encontrá-la. Parou em cada uma das igrejas que auxiliam carentes, pedindo apenas: "Eu poderia deixar aqui esse retrato?" Era uma fotografia daquela mãe grisalha e sorridente, com uma mensagem manuscrita: "Eu ainda a amo...venha para casa!"
Passaram-se mais alguns meses e nada aconteceu. Então, um dia, a jovem foi à igreja pedindo algo para comer. Sentou-se, distraída, assistindo ao ofício, quando seu olhar bateu no quadro de avisos.
Ao ver o retrato, pensou: "Poderia ser minha mãe?"
Não conseguiu esperar o final da cerimônia. Aproximou-se do quadro e leu a mensagem: "Eu ainda a amo...venha para casa!"
Reconhecendo a mãe no retrato, ela chorou. Era bom demais para ser verdade.
Já era noite, mas, tocada por aquelas palavras, a jovem foi caminhando até sua casa. Quando chegou, o dia amanhecia. Temerosa, aproximou-se timidamente, sem saber exatamente o que fazer.
Quando bateu à porta, esta se abriu sozinha. Chegou a pensar que alguém a arrombara. Preocupada com a mãe, correu para o quarto, mas a senhora dormia. A filha a acordou dizendo: "Sou eu, sou eu, voltei para casa!"
A mãe não podia acreditar. Em prantos, abraçou-se a filha, que disse: "Fiquei tão preocupada! A porta estava aberta e pensei que alguém tinha entrado!"
A mãe respondeu docemente: "Não querida. Desde o dia em que você se foi, a porta nunca esteve fechada."
Autor: Robert Strande

Essa história nos fala do grande amor de uma mãe para com sua filha, mas AMOR muito maior tem o Senhor por nós, então, "...Se hoje ouvires a Sua voz, não endureçais os vossos corações..." Hebreus 3:15

Não importa onde tens andado, volte!!! o Senhor está de braços abertos pra te perdoar e receber.

Abraços a todos e fiquem na paz do Senhor!

26 comentários:

Sílvia Renata disse...

Oi Cida...
Fiquei emocionada com a mensagem, pois, eu ja andei em longos caminhos sem a presença do Senhor, mas quando eu retornei Ele estava lá de braços abertos e me recebeu com seu enorme amor de PAI...
Abraços

Alessandra Sarraipo disse...

oie!!! Tem um selinho para você no meu blog estou te esperando. Beijos

Vania Ferro disse...

Cida minha amiga muito querida...como é bom vir aqui...sempre tem uma mensagem para mim. Sabe aqueles dias que vc se sente triste com vc mesma por se achar longe do Pai?...uma fração de segundo que a gente deixa de olhar para o Pai e tudo fica escuro...depois eu te mando um email te contando pq estou dizendo isso...ore por mim minha amiga.
com amor de uma mana que te quer muito bem. Xerooooo

Mamãe do Danielzinho disse...

Nossa, que história linda!
Me fez lembrar também da parábola do filho pródigo... Se uma mãe recebe assim um filho imagina Deus!
Um beijo amiga!

Mamãe do Danielzinho disse...

Oi Cidinha, eu de novo!
Vim correndo compartilhar uma coisa com vc: tenho uma amiga que é amiga desde a infância mas a gente não se via a tempos. Ela e a familia toda são da mesma igreja que vc. Ela, a irmã e as filhas vieram aqui em casa me visitar e acabaram de sair. O motivo da minha felicidade é que ela está firme na igreja, graças a Deus, pq passou por situações bem dificeis...
Foi muito bom! até falei de vc e do seu testemunho(da Flávia), e de como vc fala do amor de Deus atraves da Net, ela ficou muito feliz!
Um beijo

Pra.Thaís Itaborahy disse...

Paz do Senhor amiga. História Linda. Como o amor faz coisas lindas....
Um beijao para vc!
Paz.
www.palavradevidaaocoracao.blogspot.com

Ana Beatriz disse...

Minha amada,que historia emocionante!!Os filhos são pedacinhos de nós.Assim também somos pra Deus.bjus no coração

Lidiane Borges disse...

Amei esta mensagem, muito linda!

Que Deus continue lhe abençoando!

Grande Abraço e um Feliz Sábado!

Tarciana Soares disse...

Ciiida!

É bom vim aqui e ter o próprio Pai falando aos nossos corações através de suas palavras. Mesmo com tantas falhas o Senhor nos convida a voltar a casa do Pai, Ele nos desiste de nós. Que amor é esse? Me sinto constrangida por tanto amor! Ninguém tem maior amor do que este...

Que possamos voltar ao primeiro amor e ter um coração quebrantado diante do Senhor, pois a bíblia diz que "a um coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus."

Beijos...

Tarciana Soares disse...

Ahhh! Amo você!

Tenha um ótimo final de semana minha querida amiga. Que o Senhor abençoe você e sua família.

Beijos no seu coração!

Débora disse...

Olá Cida !
Que bom que vc gostou do post. Eu adorei e espero que muitas outras pessoas gostem. Também fiz o convite à Nádia. Se vc quiser reforçar, ótimo ! Obg mais uma vez e um ótimo fim de semana... vamos nos falando... bjinhos

Diogo disse...

lol essa postagem ta d+, vc conhece o Daniel Gonçalves? q tem um blog Daniel Locutor ou so visita o blog dele? he he he vc ta em tds, eu nesse momento q tou enviando esse comentario tou baixando o informativo como sempre pra igreja FELIZ SÁBADO A TODOS

Lucinalva disse...

Oi Cida
Linda mensagem, o Senhor espera de braços abertos os filhos que sairam de casa. Fica com Deus

Cida Kuntze disse...

Olá!
Obrigado a todos pelos comentários, eles são muito preciosos para mim.

Oi Diogo, sim eu conheço o Daniel pessoalmente.

Abraços, um sábado feliz, um final de semana de muitas bençãos pra todos vocês que passam por aqui.

Moyses Alexandre de Godoi disse...

Oi Cida...

Realmente linda a mensagem...
Acho que ando "numas" de pessimismo, pois na hora em que a moça encontra a porta aberta pensei:
- Não deu mais tempo! A mãe já deve estar morta!

Que bom que errei!
Isso fez surgir em mim um sorriso devido a paciência do Senhor conosco e também um sorriso irônico ante a minha nefasta conjectura...

Abração e bom finds...

Gil Louzada disse...

Bom dia, Cida!

Me emocionei com esta historia, o amor de Deus é realmente assim, não tem limites! Ele nos ama incondicionalmente!
o teu blog é uma inspiração para mim, que Deus continue te usando!
Um beijinho querida amiga e tenha um feliz sábado!

HD disse...

Olá querida amiga Cida,

Bom dia!!!!

Tenha um lindo fds.....

beijos
suely

Diogo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=GFrovNRaxjI
passa esse link pra tds q vc conhece primeiro vc ver o video ai ver se ele merece ser passado

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga.

Depois de alguns dias de distância
estamos voltando ao convívio dos
amigos que aprendemos a gostar.
Obrigado pela amizade
e pelas palavras
que tornam a nossa vida
mais bonita.

Sua amizade é preciosa para mim.

Chris Amag disse...

Querida Cida

Algumas lágrimas quentes beijaram meu rosto com esse fim tão emocionante!

Ah! Esse seu blog é simplesmente "maravilhoso". Imagino que você alimenta esse seu cantinho com aquele amor como o de uma mãe zelosa.

Deus te abençoe sempre!

Chris

Wendel Bernardes disse...

Pôxa Cida,
sabe que a cada vez que leio ou ouço algum tipo de relato como esse sinto vontade de me entregar a Jesus novamante?

É como se todos os dias o Espírito estivesse me lembrando do quanto sou pó e do quanto Deus me ama!

Agora mesmo neste momento em que digito, sinto algo tremer no meu coração, como se fosse Jesus querendo entrar na minha vida mais uma vez...
Pode vir AMADO!

Abraços querida!

Karol Pereira disse...

Olá Cida!Querida, que saudades de você! Daí resolvi dar uma passada aqui para ver seus lindos posts...
Como está? E a família, tudo bem?
Espero que sim!
Doces beijos*

Colégio Eficaz disse...

Sentindo tua falta no meu blog. Teus comentários são muito importantes para mim, de verdade!

Celina disse...

Maravilhosa promessa que temos, a porta de acesso a nosso Pai celestial está aberta para todos nós.
Tenha uma ótima semana.

Celina

Primeiros passos com Jesus disse...

Oi Cida, como vai?

Linda esta história que publicastes...

Vi uma parecida na net no canal de um amigo meu, se quiser depois veja também...
http://www.youtube.com/watch?v=igagNhmQQRo

Sei que sua vida é corrida, mas suas postagens são deliciosas de ler...inspiradas pelo nosso Senhor!

Paz minha amiga e irmã!

Leila

A Mamãe do viajante disse...

Cida amiga, que saudades!
Semana passada foi um caos por aqui, mas hoje está tudo entrando nos eixos gracas a Deus!

Nossa eu chorei lendo este post, como é bonito e incondicional o amor de uma mae. e agora sendo uma eu tenho certeza disso, que pelos filhos nós fazemos todo o possivel e o perdao é algo que vem com a maternidade.

Seu blog é valioso viu, sempre vou repetir isso.

Beijocas minha amiga, uma semana de paz para voce e toda a sua família.
Aninha.