terça-feira, 14 de dezembro de 2010

No vale da sombra da morte...

"Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam." Salmos 23:4

Descobrimos que minha mãe estava com câncer poucos dias antes do natal.
Foi muito difícil, choramos muito naquele dia...

No ano em que descobrimos o câncer, ela convivia com o problema de baixa visão, devido ao glaucoma, como contei no post Senhor, que eu possa ver..., faziam alguns anos.

Naquele final de ano, ela e o meu pai foram na casa da praia, para limpar e deixar tudo arrumado, caso alguém desejasse ir pra lá nas férias.
Durante a limpeza ela bateu com a barriga na quina da mesa da cozinha e sentiu uma dor enorme.
Voltaram para casa e ela marcou uma consulta com um médico conhecido já  para o outro dia, mas naquela noite ela teve um sonho e nele Deus dizia que ela deveria ir num ginecologista, pois o problema estava no útero e era muito grave.
.
Já pela manhã ela desmarcou com o outro médico e falou com minha sobrinha, que conseguiu que o seu médico  encaixasse a minha mãe para uma consulta naquele mesmo dia.
Eu fui junto com elas e ele nem precisou coletar material pra ter certeza do diagnóstico, só olhando já viu que era câncer e que o tumor estava grande.
Ele falou pra mim em particular isso, fiquei gelada, mas continuei firme e pedi que não escondesse nada, precisávamos agir, ela precisava saber o que tinha para podermos tratá-la.
Ele deu a notícia, e pra nossa surpresa a reação dela foi muito natural, pois devido ao sonho, ela já sabia que era algo grave e que poderia mesmo ser um câncer.
Conseguimos já  no outro dia uma consulta super importante, com um dos melhores oncologistas da cidade, indicado pelo ginecologista. Ele a examinou, confortou, a animou e disse que todo o tratamento dela seria feito pelo SUS e que já começaria nos primeiros dias de janeiro, pois como já estávamos no dia 23/12, não daria mais pra ser naqueles dias.

Nosso natal naquele ano foi triste, mas não menos esperançoso e cheio de fé.
Sabíamos no Deus que críamos e que mesmo minha mãe passando pelo vale da sombra da morte, não temeria, pois segurava firme nas mãos do Senhor.

Durante 3 anos ela passou por muitos tratamentos intensos, mas Deus estava no controle de tudo e não deixava passar nenhum detalhe, pois ela sempre foi atendida da melhor maneira.
Nos dias de maiores aflições o Senhor enviava os Seus servos para dar a ela uma palavra de alento e a nós familiares também.

Aos poucos vou contando pra vocês muitas coisas que o Senhor fez durante esse período, pois a misericórdia do Senhor alcançou vidas através do testemunho de fé da minha saudosa e querida mãe. Mesmo enferma, ela não deixou de testemunhar as Suas maravilhas na sua vida.
.
Queridos, minha mãe nunca perdeu a fé. Ela tinha muita vontade de viver, de ser curada, mas com o passar do tempo, a sua esperança em Deus era independente do amanhã, da cura ou da morte.
Alguns dias antes de falecer ela me falou que a sua alegria, sua esperança, estava em fechar os olhos e descansar em Jesus, para depois poder acordar e viver com Ele na eternidade.

Abraços e que Deus nos abençoe.

27 comentários:

Roberta Portela disse...

É Cida, realmente sua mãe parece ter sido uma grande mulher. Que testemunho. Já estou imaginando as histórias que você virá contar aqui... Tive um caso desse de perto também na família do meu ex- marido. É muito difícil para a família, mas quando você vê a força do outro, você segue em frente bem melhor e com mais confiança na luta!

Beijosss

disse...

Meu Deus mana, estou em lágrimas aqui, sei como é nunca deixar de crê em Deus ainda que a cura não venha, ainda que o nosso testemunho não seja o que queremos dar, mas que seja um testemunho de fé que mesmo sem receber a benção é continuar com ele, não abrindo mão dele por nada nesta vida. Creio que ela esta nos braços do pai. Deus te usou nesta manhã para falar comigo. Paz minha linda!

T.S.S. disse...

Com certeza ela está convivendo com a melhor pessoa do mundo : Papai do céu.Beijos !

Anderson Fernando disse...

Sem palavras, que Deus continue abençoando vc e toda sua família!!! Xeruss!!!

Sílvia Renata disse...

Cida, é como se vc estivesse aqui, do meu lado e ouvisse minhas orações. Minha mãe acabou de me ligar dizendo que meu único vozinho esta muito mal no pronto socorro, que ja perdeu os sentidos e não deram mais muito tempo a ele. Estou aqui adiantando as coisas e vou levar meu filho pra ficar com miha sogra e vou la ve-lo... por mais que eu sabia q essa hora ia chegar, a dor é inevitável. Ele ja sofreu muito e esta sofrendo. Confio na vontade do Senhor e sei que ele só quer o melhor para nós.
Obrigada pelas suas palavras...

Nathália disse...

É muito bom termos esperança no nosso Senhor e o que nos conforta é saber que nossos entes queridos te a certeza que sua mãe tinha e te falou: fechar os olhos e descansar em Jesus, para depois poder acordar e viver com Ele na eternidade. Pouco antes do meu bisavô falecer, ele aceitou o nosso Senhor Jesus, como seu Salvador e foi isso que nos confortou na sua morte, a certeza de que ele estaria com o Pai! Deus é tão bom, que não permitiu que e bisa morresse sem conhecer e aceitar a sua palavra de vida eterna!

Qnt ao seu comentario no meu post, adorei a sua sugestão, Obrigada. é pq eu falei que ia fazer a enquete, se não o nome já estava escolhido! rsr...

Bjkss e VOLTO SEMPRE ;)

Pra.Thaís Itaborahy disse...

Essa é a maravilhoso esperança que temos. Por isso o Apostolo Paulo disse com tanta certeza.

"O viver para mim é Cristo e o morrer é lucro."

Deus te abençoe minh amiga. Estou de volta. Senti saudades de vocês do blog..

Bjim no coração. Pra Thaís

Malu Costa disse...

Querida Cida,
Ao ler esse testemunho retornei à minha infância,pois nela passamos pela mesma situação,com o meu pai que foi acometido de um câncer de linfomas.Sei o que sentisses,o que passastes.E,o quanto é importante não perdermos a fé em Deus e no agir dEle.Em breve contarei o testemunho dEle em meu blog te avisarei.
Deus seja contigo sempre,amada!
Beijo.

Adriana Alencar disse...

Cida, a sua mãe deve ter sido uma pessoa maravilhosa e somente o pensamento de que ela está em Jesus poderá confortá-la totalmente de tal perda. Que Deus continue abençoando a sua vida com esses exemplos de vida extraordinários!
Bj
Adri

Celina disse...

Cida:
O que é tão maravilhoso em ser cristão é que temos a certeza de ter um Amigo celestial nos momentos alegres e nos momentos tristes.
Ele nos leva a águas tranquilas e também estará conosco no vale da sombra da morte.
Beijos.
Celina

Rodrigo A. Oliveira disse...

Que experiências fantásticas... muito obrigado por compartilhar... isso é o evangelho... aplicar a teoria em prol de uma pratica que nos dê relacionamento com o Pai.

Ótima semana!!

Si disse...

Flor... sua mãe foi e continua sendo um belo exemplo de fé.... bjss

Wendel Bernardes disse...

Cida,
seus testemunhos são únicos!
Não poderia expressar com palavras o que sinto...
Deus te abençoe muito viu?

Lidiane Borges disse...

Para nós Cristãos a morte não é o fim, quando em vida entregamos nosso coração ao SENHOR. Este testemunho de sua mãe é maravilhoso, penso que poderemos vê-la quando Cristo voltar nas mansões celestiais!!Amém.

Querida minha família está passando por um momento muito delicado, pois o Avô de meu esposo está na UTI à alguns dias, mais cremos na promessa de Deus, e vivemos com essa Esperança!!

Grande abraço!!

disse...

Cida tem selinho de qualidade pra ti lá no meu blog, fique a vontade para pegar . bjs

Alê disse...

Eu simplesmente não tenho palavras para comentar...

Marcia Gonçalo disse...

A PAZ AMADA!

sei bem o q vc passou...
Mas o que nos consola é o Espirito Santo e sei que ele esta com vc em todos os momentos.
E fique em paz, como sua amada disse q queria descansar em Jesus, para depois poder acordar e viver com Ele na eternidade... este é o nosso maior presente!!
Te amo em Jesus!!
Fiquei feliz por vc ter renovado sua carta e creio em nome de Jesus que ate o inicio das aulas vc será mehor que um piloto de fuga rsss
bjocas

Mamãe do Danielzinho disse...

Oi Cida!
Acho que minha semana começa na terça-feira rsrs, pq é quando eu encontro tempo para comentar nos blogs das amigas, ver emails...(ontem foi exceção pq foi aniversário do marido e tive que dar toda atenção a ele)mas não deixo de ver/ler os blogs que amo. Recebi seu email, vou ler com calma e com certeza vai ajudar muito. Obrigada!
Sua mãe verdadeiramente foi um testemunho e exemplo de fé para todos nós.
Um beijo

alexsandra disse...

Querida, Cida!
Claro que a saudade bate. Mas a nossa alegria é saber que ela está no descanso ao lado do nosso Maior Amor, Jesus!
Sua mãe é uma princesa amada de Jesus e que deixou frutos lindos, como você!
Eu tenho dois pais. O pai faleceu quando eu era criança e foi perto, muito perto do natal. Minha mãe viveu anos em luto, mas com garra e fé. Os natais lá em casa, durante anos, foram complexos porque minha mãe sentia-se triste, embora tentasse fingir porque éramos crianças e teríamos que ter festa de natal. Hoje ela superou e está feliz ao lado do meu paidrasto, um homem que a ama muito e é de um coração enorme. Eu sou tão, mas tão feliz e agradecida a Jesus por eles, sabe!
Eu sei que Jesus tem uma estrada para cada um de nós, e só nos resta confiar no seu Grande Amor Eterno!
Vai um beijo!
Com carinho,
Alexsandra!

disse...

Cida, Temos um entrevistado abençoado la no blog. (Pr Guedes), faça sua pergunta e participe. Bjs!

Lucinalva disse...

Cida
Lindo o testemunho da sua mãe, apesar das dificuldades, o alvo dela sempre foi o Senhor, o consolador, que sempre chega para nos socorrer. Obg pela força hoje. Bjs

Tarciana Soares disse...

Sim Cida amanhã é aniversário da Rô...
Faça boa viagem amanhã, viu?

Ah! Gostei do post.
E como o Wendel disse seus testemunho são únicos.

Beijos, até mais!

Cris Bomfim disse...

Estou emocionada com sua história. Obrigada por compartilhar. Obrigada pelo carinho e cuidado demonstrado.
A sua história me motiva. Eu tenho um cunhado muito querido que descobriu na semana passada que está com câncer no intestino e a família está sofrendo muito, porque infelizmente o caso dele está bastante avançado e estamos com dificuldade de encontrar médico e hospital que o aceite. Mas, nós confiamos no Senhor, estamos fazendo novena e temos fé que encontramos um lugar para ele possa receber os cuidados e ser tratado com dignidade.
Obrigada mais uma vez.
Um abraço bem apertado.

Aninha, a mamãe do viajante disse...

Puxa Cida, sua mãe foi uma guerreira, não deixou sua fé se abalar mesmo na doença.
Você deve ter muito orgulho dela.
Que post emocionante, eu senti muito.

Quando tinha 15 anos minha mãe me deu um Bíblia branca, eu achava linda. E desde sempre tenho um terço que meu pai trouxe de Aparecida do Norte, abençoado na missa é claro.
Então, o meu terço sempre descansou na página do Salmo 23, o meu preferido.

Quando vim para cá a trouxe comigo, e ela está aqui na minha mesa, a minha Bíblia branca de 15 anos atrás, encardida, mas o que importa é o interior né?!

Beijocas minha amiga :)

Suely Rezende - HD disse...

Paz Cida!!!
Hoje (noite) consegui atualizar os comentários em seu blog, muita correria, muito trabalho.
Mas Deus tem dado graça e força.

Acabei de ler o texto!
Sempre qdo menciona de seus pais é com muito carinho e amor, hoje percebo nos detalhes que compartilha que realmente sua família é do Senhor. O testemunho de sua mãe e de como ela reagiu a notícia, muito emocionante.
Qta maturidade espiritual. Qta lição de vida.
Obrigada por compartilhar minha amiga.

Deus abençoe hoje e sempre,

beijos
Suely

Kellyane Feitosa Link disse...

Cida,
Que testemunho lindo! Isso é fé, aceitar a vontade de Deus e nunca perder a esperanca do reencontro com nosso amigo Jesus e os queridos familiares.
Que você tenha uma linda semana!
Beijinhos...

Vivendo pela Palavra de Deus!!! disse...

Oi amiga hoe te fazendo uma visita vi esse depoimento quero desactar o que sua mae falou: que esperança, estava em fechar os olhos e descansar em Jesus, para depois poder acordar e viver com Ele na eternidade. Glorias a DEus!!!!!!!!!Te desejo um boa semana.